Claudia Forero em Un psicoterapeuta nos cuenta

Claudia Forero e o fascinante caso de David em ‘Un psicoterapeuta nos cuenta’

Docentes, Notícias

A psicóloga e psicoterapeuta familiar sistêmica, Claudia Forero, abrirá o ciclo de conversas ao vivo ‘Um psicoterapeuta nos conta’ organizado pela FUNIBER por meio da Rede universitária com a qual colabora. Claudia trabalha há uma década na área clínica e pediátrica e, atualmente, exerce atividade no Reino Unido para o National Health Service (NHS) na equipe de saúde mental para crianças e adolescentes com transtornos afetivos e comportamentais severos. A Dra. Forero, também, tem experiência com crianças e adolescentes com dificuldades em seu neurodesenvolvimento (Autismo e Hiperatividade) e foi parte da equipe de diagnóstico das mesmas dificuldades.

O que podemos esperar da conversa com Claudia Forero como parte do ciclo ‘Un psicoterapeuta nos cuenta’?

A exposição da doutora Claudia Forero tem como título O caso do David: Intervenção sistêmica utilizando a abordagem de Residência Não Violenta em uma criança com Transtorno do Espectro Autista e nela falará sobre a sua experiência em um caso de intervenção terapêutica com a família de uma criança de 8 anos que foi diagnosticada com um Transtorno do Espectro Autista, sobre o qual foi publicado um artigo na revista Context. The magazine for Family Therapy and Systemic Pratice

Além disso, Claudia Forero explicará os protocolos de intervenção que são seguidos no Reino Unido para o trabalho com crianças e adolescentes, também oferecerá conselhos no diagnóstico e intervenção para os casos que afetam crianças e adolescentes.

Qual é o objetivo desta conversa?

Com esta iniciativa, busca-se que os alunos do Mestrado em Psicologias Clínica e da Saúde que a FUNIBER patrocina possam acessar às experiências de um profissional contrastado, além de aprender sobre o dia a dia e os métodos do setor.

Como posso acompanhar a apresentação?

A conversa com a doutora Claudia Forero acontecerá na próxima quinta-feira, dia 16 de novembro, às 22h, hora da Espanha, sendo transmitida via streaming, por meio deste link: https://streaming.funiber.org/conversatorio-17-11-16/

Para fazer uma pergunta à apresentadora, você só precisa enviar um e-mail para a Diretora Acadêmica do programa de Mestrado em Psicologias Clínica e da Saúde patrocinado pela FUNIBER, a Dra. Laura Pérez, e-mail: laura.perez@funiber.org, antes do dia 16 de novembro. Ela será a responsável de moderar a conversa e entrevistar os apresentadores ao longo do ciclo ‘Un psicoterapeuta nos cuenta’. De todas as perguntadas recebidas serão selecionadas duas para a conversa com Claudia Forero.

Links relacionados:

Luís Jiménez ministra informação sobre o novo Mestrado em Psicologia criminal patrocinado pela FUNIBER.

| , , , , , ,

Entrevista com Leonardo Ribeiro, professor da Rede Universitária em que a FUNIBER colabora na área de Meio Ambiente

Entrevista com Leonardo Ribeiro, professor da Rede Universitária em que a FUNIBER colabora na área de Meio Ambiente

Docentes

O estado de nosso planeta é motivo de preocupação para muitos pesquisadores que buscam, por meio de seus estudos, que o lugar em que vivemos seja o lar para muitas outras gerações. Um dos pesquisadores que trabalha em favor do meio ambiente é o professor Leonardo Ribeiro. Ele publicou recentemente a tese Megaprojetos no Litoral Norte Paulista: O papel das grandes iniciativas de infraestrutura na transformação regional, trabalho que foi selecionado pela Universidade Estatal de Campinas (Unicamp) para concorrer ao Prêmio Cape das melhores teses brasileiras em 2014.

Ribeiro é engenheiro agrônomo formado pela Universidade Federal de Viçosa e possui doutorado em Ambiente e Sociedade pela Unicamp. Também é professor da Rede Universitária em que a FUNIBER colabora, desde 2003, é analista ambiental do Instituto Brasileiro do Meio ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). Durante os últimos anos, ele trabalhou em projetos de pesquisa destacados, como o Estudo de Metodologias de Avaliação de Políticas Públicas Ambientais do Estado de São Paulo.

Entrevistamos ao Professor Leonardo Ribeiro para conhecer mais sobre os mestrados em Meio Ambiente que a FUNIBER promove e descobrimos a necessidade que existe, na atualidade, de formação de profissionais em disciplinas ambientais.

 

Para começar, você poderia nos falar sobre os projetos nos que está trabalhando atualmente? Em que área se especializou e em que campo demonstra principal interesse?

Além de professor da Rede Universitária em que a FUNIBER colabora, trabalho como analista ambiental do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). Desenvolvo o meu trabalho, assim como as minhas pesquisas, principalmente nas áreas de gestão ambiental, licenciamento ambiental de grandes empreendimentos, avaliação de impactos ambientais e avaliação de impactos cumulativos.

 

Dentro da área de gestão ambiental, escutamos falar sobre a modernização ecológica. Do que se trata? Está dentro da chamada economia sustentável?

A modernização ecológica é uma teoria de análise da reforma institucional, com centro no crescimento independente da ecologia diante das outras dimensões de racionalidade da sociedade industrial, em especial da economia.

Teoricamente a modernização ecológica pode ser vista como um conceito que busca superar os problemas ambientais a partir de quatro pressupostos: introdução de inovações tecnológicas nos processos produtivos, prevenção da degradação ambiental, participação pública na tomada de decisão e soluções ambientais e econômicas simultâneas. Nesse ponto, de forma simplificada, ela é uma teoria social, digamos “otimista”, e seus pressupostos estariam alinhados a conceitos como os da economia verde ou da economia ecológica, fortemente baseadas em metas de desenvolvimento sustentável.

 

O que poderia recomendar aos profissionais que estudam na área ambiental sobre a temática da modernização ecológica? Poderia nos indicar como este conceito se integra nos estudos da área?

Meu interesse na Teoria da Modernização Ecológica reside, principalmente, na capacidade desta teoria em proporcionar ao pesquisador um conjunto consistente de conceitos, condições e premissas apropriados para o desenvolvimento de uma análise empírica. Esses atributos colaboram, segundo o pesquisador Arthur Mol (1995), para a compreensão das transformações das instituições da modernidade tardia em uma direção mais sustentável ambientalmente.

A existência de indícios de Modernização Ecológica em um país ou região poderia sugerir o desenvolvimento de capacidades institucionais que habilitariam os atores envolvidos a responder, de maneira mais eficiente, aos novos desafios impostos pelos Megaprojetos. Por outro lado, as lacunas detectadas nesse processo indicariam a tendência de agravamento dos problemas existentes.

 

O mercado de trabalho exige especialistas na área de meio ambiente? O que você diria para aqueles profissionais que estão pensando em estudar um mestrado na área ambiental?

A humanidade demanda conhecimento científico acerca dos problemas relacionados à crise ambiental global. As perspectivas atuais em relação, por exemplo, às perdas de biodiversidade, poluição e aquecimento global não são nada otimistas. As últimas previsões do Grupo Intergovernamental de Especialistas sobre Mudanças Climáticas (IPCC) são assustadoras e os governos ainda não têm uma agenda clara de abordagem da questão. Não apenas o mercado, enquanto ente etéreo da modernidade, mas a sociedade como um todo, demandará cada vez mais profissionais bem instruídos que saibam elaborar mais do que boas respostas, mas sim boas perguntas.

Neste sentido, a FUNIBER promove uma série de programas na área de meio ambiente muito competitivos com o objetivo de facilitar o acesso a uma formação de qualidade apara todos aqueles profissionais que estejam interessados em ampliar seus estudos. Por meio de bolsas de estudo, pode-se optar por cursar mestrados, especializações e/ou doutorados em modalidade on-line com titulação universitária.

 Links relacionados:

 

| , , , , , , ,

Entrevista ao Dr. Antonio Pantoja: Falemos sobre o campo educativo na atualidade

Entrevista ao Dr. Antonio Pantoja: Falemos sobre o campo educativo na atualidade

Docentes

De 27 de julho a 3 de agosto o Dr. Antonio Pantoja ofereceu um ciclo de conferências e oficinas na Costa Rica e Colômbia, organizados com a participação da Universidad Internacional Iberoamericana (UNINI) e da Universidad Europea del Atlántico (UNEATLANTICO)

O ciclo formativo ministrado pelo Dr. Antonio Pantoja esteve dirigido aos alunos com bolsa de estudos pela FUNIBER que estão cursando algum dos Doutorados patrocinados pela Fundação graças à Rede Universitária em que colabora.

Antonio Pantoja é Doutor em Filosofia e Ciências da Educação e Professor na Universidade de Jaén (Espanha). Também, é Diretor de Mestrado e Doutorado em Educação da UNINI-MX.

Durante os bate-papos e oficinas que o Dr. Pantoja ministrou recentemente na América Latina, os alunos participantes receberam informação sobre diversos temas para os estudos de doutorado como, por exemplo, a metodologia de pesquisa científica e a difusão dos trabalhos de pesquisa através de revistas científicas indexadas. Também, o especialista falou sobre a metodologia que deve ser utilizada para a realização da tese doutoral como, por exemplo, que estrutura deve seguir uma Tese de Doutorado, que elementos a compõem ou que características linguísticas um texto acadêmico deste tipo deve ter.

Durante sua estadia na América Latina pudemos entrevistar o Dr. Pantoja para aprofundar sobre temas de atualidade relevantes no campo da educação superior.

O Doutorado é o grau acadêmico de mais alto nível

A sociedade hoje em dia precisa de profissionais altamente especializados, capazes de confrontar, de maneira cabal e eficiente, os desafios que aparecem em diversos campos como a ciência, a educação e as tecnologias da informação, entre outros. Os alunos de doutorado não podem ficar para trás, devem se preparar para contribuir ao desenvolvimento científico, tecnológico e humano da sociedade.

Neste sentido, o Dr. Pantoja afirma que os programas de doutorado patrocinados pela FUNIBER estão orientados à pesquisa profissional, e contam com o aval e o excelente nível acadêmico de prestigiosas universidades como a Universidad Internacional Iberoamericana (UNINI-México) e a Universidad Europea del Atlántico (UNEATLANTICO).

A metodologia educativa moderna é semipresencial

Os novos tempos apontam à combinação da tradição educativa com o emprego das novas tecnologias. Neste sentido, o Dr. Pantoja afirma durante a entrevista, quase não existem programas de doutorado totalmente presenciais, sendo as formações online as mais populares. Entretanto, o especialista adverte que se aposta por um tipo de formação mista em que estão incluídos processos de aprendizagem tanto presencial quanto com um alto componente a distância.

A principal vantagem da formação online é o manejo do tempo por parte dos alunos, assim como a possibilidade de internacionalizar o conhecimento pois diminuem as distâncias entre os distintos pesquisadores que realizam seus estudos em diversas partes do mundo.

O modelo educativo semipresencial permite que os alunos possam dispor de seu tempo de acordo com suas necessidades pessoais, profissionais e acadêmicas e proporciona espaços para o compartilhamento de experiências e conhecimentos pessoais, promovendo o contato integral.

Tema sobre a atualização educativa universitária

Durante a entrevista o Dr. Pantoja falou sobre diversos temas que interessam aos estudantes de educação superior, especialmente os de doutorado, aos que caracterizou como agentes sistêmicos, globais e integrais. Neste sentido, o pesquisador afirma que são quase idênticos os temas assim como as principais linhas de pesquisa desenvolvidas pelos alunos de doutorado na América Latina e Europa. Por exemplo, a pergunta sobre que novos campos poderia imaginar na área da pesquisa educativa, o Dr. Pantoja respondeu que as pesquisas atuais apontam ao uso das tecnologias da informação e das redes profissionais de busca de emprego.

Se você quer obter mais detalhes sobre os novos temas no campo da educação doutoral, no link a seguir você poderá acessar o vídeo com a entrevista completa de Antonio Pantoja:

Links relacionados:

| , , , , , , , , , , ,