São realizadas as primeiras práticas virtuais do Mestrado em Coaching Individual e Liderança Organizacional

São realizadas as primeiras práticas virtuais do Mestrado em Coaching Individual e Liderança Organizacional

Notícias, Opiniões dos alunos

O Mestrado em Coaching Individual e Liderança Organizacional que a FUNIBER patrocina é uma formação que, como explicou sua diretora acadêmica, Vanessa Yélamos, oferece aos estudantes diversas oportunidades de colocar em prática os conhecimentos adquiridos em diversos formatos, um deles consiste em uma série de sessões práticas virtuais, a primeira das quais ocorreu no passado 24 de maio.

Estas práticas virtuais são realizadas a cada 3 meses, aproximadamente, e contarão com um tutor, que nesta ocasião foi a própria Vanessa Yélamos, e pelo menos 8 estudantes. Em cada uma destas práticas, um dos alunos atuará como coach em um caso prático no qual outro estudante atuará de cliente ou coachee, com uns objetivos determinados que irão variar em função do estudante e seu nível de experiência. Cada sessão estará centrada em diferentes competências e fases do processo de Coaching.

Os exercícios virtuais procuram colocar em prática a teoria que os alunos vão estudando ao longo do Mestrado, e também estimular a aprendizagem coletiva, já que os papéis de coach e coachee giram ao longo da sessão, com o qual todos os estudantes presentes aprendem de primeira mão e também podem analisar o trabalho de seus colegas e podem oferecer feedback.

Os estudantes se mostraram muito satisfeitos com esta primeira sessão prática virtual:

  • Claudia Quezada, do Chile, que declarou “o que mais avalia da prática é a possibilidade de colocar em ação os conhecimentos aprendidos nas disciplinas, interagir com os demais dos meus colegas e, sobretudo, poder aprender de pessoas mais especialistas e com mais conhecimento e prática, como a professora Vanessa”.

  • Esther Mercado, do Uruguai, disse que “o que mais valoriza é poder validar as dúvidas e dispor de uma professora que, a partir de sua grande experiência e conhecimento, se presta pacientemente para esclarecer, o que ajuda a melhorar a cada dia”

  • A estudante colombiana Silvia Martínez se expressou em termos similares: “o que mais avalia é poder praticar e ter a oportunidade de me equivocar e ser consciente de minhas áreas para melhorar para poder crescer mais e seguir aprendendo”.

  • “O que mais valorizo da prática realizada é o poder discutir e esclarecer dúvidas sobre a aplicação da teoria, o que enriquece muito a todos os participantes. Também valorizo a possibilidade de aproveitar a experiência da professora e dos colegas, é o único espaço real no qual podemos contrastar e enriquecer as diferentes interpretações, já que nos outros espaços cada participante está em um nível diferente da formação”, afirmou María Eufenia Luckert, da República Dominicana.

Os alunos do Mestrado em Coaching Individual e Liderança Organizacional também deverão, como tarefa em uma das disciplinas, encontrar de 3 a 5 pessoas de seu entorno para realizar uma série de práticas exigidas pela International Coach Federation (ICF).

Os estudantes que tomam parte nas práticas virtuais terão a oportunidade de avaliar as sessões, ao final de cada uma delas, mediante pesquisa, nas que os alunos poderão também contribuir com sugestões para melhorar a seguinte prática, ou adaptá-la a suas necessidades de formação.

 

| , , , , , , , ,

Quais prêmios podem ser obtidos no Concurso FuniMundial 2018?

Quais prêmios podem ser obtidos no Concurso FuniMundial 2018?

Funimundial

A primeira fase do FuniMundial 2018, concurso que a FUNIBER organiza, terminou no dia 4 de junho com um grande sucesso de participação. Entre o grande número de trabalhos recebidos estão os que ocuparam as três primeiras posições, depois das semifinais e final, e que, portanto, receberão os seguintes prêmios; uma bolsa de desconto de 80% para estudar mestrados patrocinadas pela FUNIBER e uma Tablet, para o primeiro classificado; o segundo, receberá também uma Tablet e o terceiro, um kit de produtos de merchandising FUNIBER.

Neste momento, o jurado do FuniMundial 2018, composto por docentes de diferentes áreas de conhecimento dos programas de pós-graduação que a FUNIBER promove pelo Departamento de Comunicação da Fundação, está analisando os trabalhos recebidos. O jurado selecionará os 10 semifinalistas, que serão anunciados na próxima terça-feira 12 de junho, momento em que dará início a segunda fase do concurso, faltam apenas três dias para o início do Mundial de Futebol da Rússia 2018.

Nas semifinais, que terminará no dia 25 de junho às 23h59 (hora espanhola), serão decididos os três participantes que vão para a grande final mediante votação popular pelo Facebook, por isso será essencial que todos os semifinalistas façam uma campanha de promoção de seus trabalhos por meio das redes sociais. Um processo que se repetirá, partindo de zero, na grande final do FuniMundial 2018.

O concurso da FUNIBER irá terminar na segunda-feira 16 de julho às 23h59 (Espanha), um dia depois da grande final do Mundial de Futebol, e será anunciado a ordem das três primeiras classificados na terça-feira 17 de julho.

| , , , , ,

Opinião de Mariana Bocardo, aluna argentina bolsista pela FUNIBER: “A FUNIBER respondeu às minhas dúvidas com diligência desde o primeiro momento”

Opiniões dos alunos, Opinioes Funiber

Mariana Solidão Bocardo é uma aluna de Junín, uma pequena localidade ao leste da Mendoza (Argentina). Mariana está perto de terminar o Mestrado em Energias Renováveis, que estuda com bolsa pela FUNIBER. Esta estudante argentina decidiu cursar o Mestrado em busca de desafios profissionais, e já pôde participar de projetos meio-ambientais e influenciar positivamente em sua comunidade.

Uma das coisas que Mariana destaca de sua experiência com a FUNIBER é o diligente trato que recebeu por parte da Fundação em todo momento.

Como soube da FUNIBER e da atividade da fundação?

Soube da FUNIBER quando procurava informação sobre mestrados e doutorados. Por então tinha muito interesse em seguir estudando, mas a maioria de programas que me interessaram tinham um preço proibitivo, até que encontrei FUNIBER, os programas que patrocina e as facilidades de seu Programa de Bolsas.

O que fez você optar pela FUNIBER?

A FUNIBER atender às minhas dúvidas com diligencia desde o primeiro momento, coisa que outras instituições não fizeram. Isso foi o fundamental.

Como foi a sua experiência com a fundação? Sentiu-se apoiada em seus estudos?

Completamente. No fim de 2017, tive uma fase complicada, principalmente por motivos profissionais, e não pude dedicar-me no Mestrado com o tempo necessário. Mas a partir da FUNIBER foram prestados o apoio e a ajuda em todo momento, e isso fez que me sentisse tranquila e com confiança. Esse aspecto humano é muito bem cuidado na Fundação.

Como foi a experiência de estudar a distância? Que vantagens e desvantagens tem este sistema? Foi difícil poder finalizar seus estudos?

A experiência foi excelente e espero repeti-la logo com um doutorado. Para mim, tem muitas vantagens, embora a mais destacável é poder trabalhar no tempo livre e poder reunir a atividade acadêmica com a profissional. O campus virtual é uma plataforma cômoda e é fácil trabalhar por meio dela.

A formação que cursou e seu quadro de professores atenderam às expectativas que você tinha?

Sim, ambos cumpriram amplamente e estiveram à altura em todo momento.

O que destacaria de sua experiência cursando os estudos patrocinados pela FUNIBER?

Os conteúdos do Mestrado me parecem muito destacáveis, também a bibliografia foi muito completa. A atenção do pessoal da FUNIBER foi outro dos pontos mais destacados em minha opinião. De fato, assisti a uma oficina de formação sobre a metodologia de estudo e o trato que recebi foi muito atento e personalizado.

Pude aplicar os conhecimentos adquiridos com a formação patrocinada pela FUNIBER?

Sim, colaborei em projetos de meio ambiente em diversas localidades de minha província, e também trabalhei em diferentes projetos de sustentabilidade.

Espera que a formação obtida por meio da FUNIBER lhe abra novos horizontes profissionais? Quais?

Sim, meu objetivo primário era me desenvolver profissionalmente e obter formação e experiência no estrangeiro. Nesse sentido, foi uma lástima não poder realizar práticas em outros países. Apesar disso segue desejosa de demonstrar minhas aptidões e de ampliar meus limites profissionais.

Recomendaria estudar os programas patrocinados pela FUNIBER a algum amigo ou familiar?

Sim, já o tenho feito. Também houve gente que tomou a iniciativa de me perguntar sobre a FUNIBER e lhes falo muito bem da Fundação.

| , , , , , , , , , , , , ,