Torne-se um embaixador da solidariedade na IV edição do Concurso Publicação Solidária da FUNIBER

Torne-se um embaixador da solidariedade na IV edição do Concurso Publicação Solidária da FUNIBER

Funi-concursos

Com as proximidades das festas de Natal, qual a melhor forma de mergulharmos no espírito da mais solidária época do ano, do que com uma nova edição do Concurso Publicação Solidária da FUNIBER. Esta é sua quarta edição, e após o sucesso de participação das convocatórias anteriores, esperamos que esta seja mais uma nova oportunidade, tanto para os novos alunos como para aqueles que já participaram nas edições anteriores.

A ideia é que nos mostre suas ideias para fazer de nosso mundo um lugar melhor. Pedimos que compartilhe conosco essas ações transformadoras que tem em mente para a promoção da solidariedade. O objetivo é que os alunos e ex-alunos bolsista pela FUNIBER busquem inspirações e façam refletir a respeito da importância da solidariedade.

Participar é muito simples. O que pedimos é que você prepare um texto de 350 a 1.000 palavras, explicando-nos essas ideias capazes de inspirar ações solidárias. Nas suas palavras escritas pode estar a ideia-chave que possa ajudar a milhares de pessoas!

A temática das iniciativas deve estar relacionada com a formação que tenha adquirido nos programas de formação que a FUNIBER promove, por meio de sua rede universitária. Por exemplo, se você tiver estudado um mestrado na área ambiental, incentivamos que você fique animado e conte-nos as ideias que tem para frear a mudança climática. Neste concurso poderão participar todos os alunos e ex-alunos bolsistas pela FUNIBER de todas as áreas de conhecimento.

Como participar?

O primeiro passo é encarar um papel em branco. Escreva um texto de 350 a 1.000 palavras e publique-o em um blog, rede social ou publicação digital em que o texto estiver público. No início do texto deve ser incluído um título; também você pode nos enviar imagens que ilustrem o texto, mas são opcionais.

Dentro do texto, não esqueça de acrescentar em algum lugar (dentro do texto, ao final, em uma nota separada…) que o artigo que você escreveu forma parte da IV Edição do Concurso Publicação Solidária e dentro do texto forneça um link na página do concurso www.estudiarenfuniber.com. O idioma do texto pode ser espanhol ou português e apenas será aceito um trabalho por participante.

O prazo de inscrição e recepção de trabalhos começa no dia 6 de novembro e termina no dia 26 de novembro. A inscrição é feita pelo site www.estudarnafuniber.com, aceitando os regulamentos do concurso e preenchendo o formulário de inscrição no seguinte link: http://fnbr.es/5mn.

Uma vez inscrito, você pode nos enviar o link do seu texto publicado on-line para o e-mail: comunicacion@funiber.org indicando no assunto do e-mail o seu nome e o sobrenome, assim como o nome do concurso: “IV Concurso Publicação Solidária da FUNIBER”. No e-mail deve conter, além do link, um texto curto que justifique sua participação e o nome da ONG a qual você decidiu doar o prêmio resultado do trabalho ganhador, assim como os dados de contato da ONG.

Os textos devem ser escritos pelo estudante que o assina, devem ser originais e inéditos; não podem ter sido previamente premiados em outras premiações ou concursos.

Fases e processo de votação

Uma vez concluída a fase de recepção de trabalhos (26 de novembro), começam as deliberações. A partir desse momento, o concurso será desenvolvido em três etapas. Na primeira delas, um jurado formado por integrantes do Departamento de Comunicação da FUNIBER, que selecionará os 10 relatos mais inspiradores e criativos; serão os afortunados que passarão diretamente para a semifinal. Os pontos de maior valor serão a criatividade, a originalidade do tema proposto e sua vinculação com a área de estudos do aluno.

Os 10 relatos semifinalistas serão publicados no blog www.estudarnafuniber.com e os candidatos cujos trabalhos tenham sido selecionados poderão promover o seu texto para tentar obter o maior número de likes possíveis no Facebook. Os três textos mais votados passarão para a final, assim… terá que potencializar seu poder de convicção!

Na reta final do concurso, os três finalistas poderão voltar para promover os seus trabalhos para receber mais likes no Facebook. O que mais “curtidas” receber, será o ganhador. A FUNIBER, por sua vez, também será a responsável de difundir e promover os relatos por meio de seus canais de comunicação.

O resultado do concurso será publicado no dia 16 de janeiro de 2018 no blog www.estudarnafuniber.com.

Em suas mãos está a possibilidade de ajudar uma ONG de seu país. A ex-aluna boliviana, bolsista pela FUNIBER Tania Grigoriu foi a ganhadora da terceira edição. Esperamos suas ideias solidárias que vão mudar o mundo!

Links relacionados:

| , , , , , , ,

Opinião de Manuel Enrique Casasola Ruiz, aluno bolsista da Especialização em Coaching

Opinião de Manuel Enrique Casasola Ruiz, aluno bolsista da Especialização em Coaching

Opiniões dos alunos

Manuel Enrique Casasola Ruiz, nascido em San José (Costa Rica) e bolsista pela FUNIBER da Especialização em Coaching, opina sobre sua experiência ao estudar a distância

Manuel Casasola é Engenheiro Industrial pela Universidad Internacional de las Américas; Técnico de Nível Médio em Eletrônica pelo Colegio Técnico Monseñor Sanabria. Além disso, possui um Mestrado em Gerência Financeira pela Universidad Fidélitas.

Também cursou a Especialização em Coaching, patrocinada pela FUNIBER, com dupla titulação pela Universidad Internacional Iberoamericana (UNINI Porto Rico) e pela Universidad Europea del Atlántico (UNEATLANTICO). Fez vários cursos sobre controle do estresse; sistemas de gestão, de controle e de qualidade; atendimento e fidelização de clientes; entre outros.

Hoje trabalha como coordenador da área de Processos e Normalização no departamento de Gestão Empresarial do Grupo Ice. Também atuou como professor na Universidad Fidélitas e na Universidad Isaac Newton.

Recentemente, o aluno Manuel Casasola visitou a sede da FUNIBER em San José (Costa Rica) para assistir ao ato de entrega de títulos dos alunos bolsistas por parte da Fundação. Durante sua estada, conversamos sobre sua experiência ao cursar uma especialização a distância.

Ele comentou que escolheu a modalidade a distância porque é uma opção cômoda que permite que ele combine o horário de estudo com seus compromissos profissionais e pessoais. Igualmente, manifestou que a Especialização em Coaching lhe trouxe conhecimentos para gerenciar melhor sua equipe de trabalho e ajudar seus colegas a darem o melhor de si. Ademais, considerou que o programa acadêmico é muito completo e que o campus virtual é muito amigável.

Abaixo apresentamos um vídeo com a entrevista realizada com o estudante costa-riquense:

 

Links relacionados:

| , , , , , , , , ,