Opinión de Natali Justiniano Callaú, alumna de la Especialización Universitaria en Periodismo y Ciencias de la Información patrocinada por FUNIBER

Opinião de Natali Justiniano Callaú, aluna da Especialização Universitária em Jornalismo e Ciências da Informação patrocinada pela FUNIBER

Opiniões dos alunos

Natali Justiniano Callaú, aluna da Bolívia, bolsista pela FUNIBER da Especialização Universitária em Jornalismo e Ciências da Informação, fala sobre a sua experiência estudando a distância

Natali, natural de Santa Cruz (Bolívia), é arquiteta pela Universidad Privada de Santa Cruz de la Sierra (UPSA). Também, tem a Especialização Universitária em Jornalismo e Ciências da Informação patrocinada pela FUNIBER.

Desde o ano de 2009, trabalha como apresentadora e jornalista da Rede de Televisão Unitel, Canal 9, em Santa Cruz (Bolívia). Universal de Televisão, mais conhecida como Unitel, é uma rede de televisão boliviana, formada por 8 canais próprios e quatro representados comercialmente, além de canais independentes integrados à rede, que cobre as principais cidades e populações do país sul-americano.

Estudar Jornalismo a distância

Recentemente, a aluna bolsista pela FUNIBER visitou à sede da Fundação na Bolívia para falar porque decidiu cursar a Especialização Universitária em Jornalismo e Ciências da Informação com uma metodologia de estudo a distância.

Durante a entrevista, Natali destacou como foi o processo que cumpriu na Especialização. Além disso, apontou o motivo que a fez cursar este programa com uma metodologia de estudo a distância.

Da mesma forma, a aluna boliviana ressaltou a experiência e o alto nível no domínio dos professores da Especialidade sobre os temas; assim como a disponibilidade para resolver as dúvidas da aluna prontamente. Também, destacou a troca de experiências com profissionais estudantes da Especialidade de diversas partes do mundo. Por último, ressaltou a necessidade de continuar aprendendo e atualizando-se para poder lidar com as demandas do mercado de trabalho.

Para mais detalhes da experiência de Natali Justiniano Callaú, estudando a distância com a FUNIBER, acesse o seguinte link e assista o vídeo com a entrevista completa:

 

Links relacionados:

| , , , , , , , , ,

Opinião de Juan Víctor Mojica, aluno do Mestrado em Recursos Humanos e Gestão do Conhecimento patrocinado pela FUNIBER

Opinião de Juan Víctor Mojica, aluno do Mestrado em Recursos Humanos e Gestão do Conhecimento patrocinado pela FUNIBER

Opiniões dos alunos

Juan Víctor Mojica, aluno da Nicarágua, bolsista pela FUNIBER do Mestrado em Recursos Humanos e Gestão do Conhecimento, fala sobre a sua experiência estudando a distância

Juan Víctor, natural de Managua (Nicarágua), é Graduado em Administração de Empresas pela Universidad de las Américas (ULAM), e possui formação em Técnicas Modernas de Linguagem e Comunicação.

Além disso, possui o Mestrado em Recursos Humanos e Gestão do Conhecimento com titulação pela Universidad Internacional Iberoamericana (UNINI).

Ele já trabalhou com microempresas, com foco na área administrativa e na gestão das relações interperssoais no âmbito laboral. Do mesmo modo, trabalhou para empresas de alcance internacional como a Tintas Corona e, atualmente, trabalha para a Optim Nicarágua na área administrativa.

Conversamos com o aluno da Nicarágua para conhecer a sua experiência estudando a distância:

Por que você decidiu cursar o Mestrado em Recursos Humanos e Gestão do Conhecimento patrocinado pela FUNIBER?

Decidi estudar o Mestrado em Recursos Humanos e Gestão do Conhecimento porque queria me especializar nesta área; do mesmo modo, percebi uma grande oportunidade para desempenhar um papel importante no desenvolvimento e na gestão do capital humano em meu país, onde mais de 80% são M e PIMES empresas e não contam com planos estruturados da carreira para a formação do recurso humano e da gestão do conhecimento. Este ponto fraco oferece um leque de oportunidades para os especialistas nesta área que formam parte essencial de toda empresa ou organização.

O que você mais gostou do Mestrado? O que destacaria?

O mais interessante do Mestrado foi a pedagogia utilizada; com base em um programa completo para a formação integral dos estudantes, onde se alinha teoria e prática para a correta e eficiente assimilação dos conteúdos. De forma pessoal, destaco a resolução constante de casos práticos, que oferecem a oportunidade de aplicar o conhecimento adquirido, enquanto que o estudante pode compartilhar o seu ponto de vista com pessoas de diferentes partes do mundo, obtendo um verdadeiro enriquecimento nos conteúdos a partir de diferentes perspectivas, culturas e de formação profissional.

O que você opina sobre os professores do Mestrado? E do programa de estudos?

O Mestrado conta com professores com ampla experiência e formação profissional,  dispostos a tirar as dúvidas em cada uma das  matérias e casos práticos; do mesmo modo, são disponíveis diferentes metodologias de ensino/aprendizagem. Em relação ao programa, este conta com uma grade completa da área de estudo; e a plataforma oferece uma ampla biblioteca virtual de livros, artigos e projetos dos mesmos estudantes como de outras universidades de prestígio com as quais a FUNIBER tem convênios.

Como Graduado em Administração de Empresas, o que o Mestrado em Recursos humanos e Gestão do Conhecimento patrocinado pela FUNIBER contribuiu?

Em termos profissionais, o mestrado contribuiu para expandir e consolidar os meus conhecimentos; assim como obter um melhor controle do estresse laboral; otimizar a distribuição de tarefas e técnicas de negociação.

Como Assistente Administrativo no Optim Nicarágua, como está aplicando os conhecimentos aprendidos em seu dia a dia profissional?

Eu tenho aplicado os conhecimentos a partir de diferentes perspectivas, o Mestrado permitiu-me desenvolver técnicas de negociação com clientes e técnicos com as quais trabalho; do mesmo modo, trouxe facilidade para desenvolver um sistema de planejamento mais eficiente no desempenho de minhas funções, contribuindo para o departamento de processos de forma mais rápida e eficiente no dia a dia; também pude trabalhar de forma alinhada com os objetivos de meu departamento e os objetivos estratégicos da empresa.

O que você diria às pessoas que estão  planejando estudar a distância por meio da FUNIBER?

Eu falaria para elas que esta é uma viagem maravilhosa cheia de desafios e dedicação, que combina a formação de conhecimentos, o caráter e as relações interpessoais, dando como resultado uma formação integral do estudante sob um sistema novo e moderno com certificação internacional. Também falaria para elas que não hesitem em correr este risco, pois vivemos em uma etapa na qual a única seguraça é a mudança, o que demanda profissionais com alta formação e conhecimentos múltiplos.

Links relacionados:

| , , , , , , , , , , ,

Aluno bolsista da FUNIBER apresenta livro no Flipoços 2017

Aluno bolsista da FUNIBER apresenta livro no Flipoços 2017

Notícias

O escritor e professor Dany Wambire, aluno do Mestrado em Comunicação patrocinado pela FUNIBER, conta em entrevista sobre a superação dos desafios para poder crescer profissionalmente

No mês de maio, o aluno bolsista da FUNIBER, Dany Wambire, apresentou o seu livro, “A adubada fecundidade e outros contos”, no Festival Literário de Poços de Caldas (Flipoços 2017). O autor foi convidado pelo evento que homenageou escritores moçambicanos.

Dany Wambire nasceu na Beira, Moçambique. Formou-se como professor, mas o talento literário vem levando-o a novos caminhos profissionais. Com a publicação independente do seu primeiro livro, e a Menção Honrosa no Prémio Internacional José Luís Peixoto (2013), Dany Wambire vem conquistando o seu espaço com as editoras, que se interessam cada vez mais por suas publicações.

A apresentação do livro foi feita pelo premiado escritor Mia Couto, que afirma: “percebe-se que Dany não está apenas à busca de um modo de dizer: ele tem já uma raiz que é sua, um traço estilístico que define a sua identidade. Estes contos são um mergulho nesse outro mundo que não aceitamos ver, mas que é nosso e que traduz a nossa diversidade de povo. Há nestes textos uma lógica marginal, mas que quer ser parte da correnteza do rio e as personagens, aparentemente estranhas das suas histórias, apenas espelham a realidade plural do nosso cotidiano.”

Órfão de pai e mãe, o bolsista da FUNIBER nos conta, em uma entrevista realizada durante o festival literário, sobre a importância do esforço e do empenho individual para a superação dos desafios. Ser órfão lhe ensinou a conseguir crescer por conta própria, ou como afirma ele: sem os mimos dos pais. “Para chegar aonde se quer chegar, depende muito de si”, disse.

Autonomia e independência

Professor, escritor e agora, comunicador. O aluno buscou o Mestrado em Comunicação patrocinado pela FUNIBER porque lhe permitia flexibilidade para combinar os estudos e o trabalho.

Após o êxito como escritor, e interessado em ampliar a divulgação sobre a literatura moçambicana, o autor criou a revista literária SOLETRAS e decidiu aprender mais sobre o Jornalismo. Ele continua os estudos e espera com sua formação, poder criar pontes que unam os povos, as culturas e as línguas.

O lançamento do livro A adubada fecundidade e outros contos ocorreu no Flipoços 2017, após a mesa Encontro com escritores moçambicanos, no dia 1 de maio.

Veja a entrevista completa em:

Enlaces relacionados:

 

| , , , , , , , , , ,